Declaração em cartório: veja como e quais declarações você pode solicitar!

Escrito por Luciano Batista de Lima
Publicado em 15 ago 19

As burocráticas da vida civil costumam exigir uma variedade de documentos para sua realização e comprovação, sem os quais o ato pode ser negado, em razão da insuficiência de informes ou não preenchimento de requisitos. Para evitar esse tipo de situação, é importante saber como solicitar uma declaração em cartório.

A função do cartório na emissão de uma declaração é garantir a validade de um documento, ou seja, a sua publicidade e segurança jurídica perante a sociedade.

A declaração serve para comprovar uma situação em relação à vida de uma pessoa ou de uma instituição, visto que ambas precisam de proteção jurídica e provas em diversas circunstâncias.

Neste artigo, vamos demonstrar quais são as principais declarações em cartório e como você solicitá-las.

Declaração em cartório de união estável

Por meio da declaração de união estável, é possível oficializar a comunhão de vida entre duas pessoas e gerar os efeitos jurídicos decorrentes desse ato. Esse documento atesta que um casal vive sob o mesmo teto de forma contínua, em uma união fundada no amor, respeito e apoio recíproco, com a finalidade de constituir uma família.

A declaração de união estável se equipara ao casamento para efeitos sucessórios, como já decidiu o Supremo Tribunal Federal (STF). Nesse caso, torna-se aplicável os mesmos dispositivos do Código Civil.

Confissão de dívida

Credor e devedor, quando dotados de boa-fé, podem requerer uma declaração de confissão de dívida em um cartório. Por meio desse documento, o devedor reconhece que possui uma dívida com o credor, o que serve de comprovante e possibilita, por exemplo, a cobrança judicial em caso de inadimplência (ao ultrapassar o prazo estabelecido para a realização do pagamento).

Quando o documento conta com as assinaturas de duas testemunhas, ele é considerado um título executivo: executado diretamente no poder judiciário, sem a necessidade de passar por um processo de conhecimento. Isso garante maior celeridade à obtenção do pagamento.

Dependência econômica

Quando uma empresa oferece um plano de saúde, é comum que o funcionário queira incluir um familiar na cobertura. Com a declaração de dependência econômica, é suprido um dos requisitos para tal inclusão.

O documento também serve para reconhecer a dependência econômica perante a previdência social, ao garantir o recebimento de uma pensão por morte do segurado, por exemplo.

Os próprios interessados em obter uma declaração podem redigir o documento. Para isso, é preciso que sejam preenchidos os seguintes requisitos:

  • a declaração deve ser escrita em linguagem clara e inequívoca;
  • a finalidade da declaração deve estar exposta no cabeçalho; e no corpo do texto, deve ser inserida a qualificação das partes (os seus dados pessoais);
  • após o preenchimento da qualificação, deve-se escrever o conteúdo, ou seja, o objeto da declaração;
  • é necessário inserir a data de elaboração, além das assinaturas das partes e de eventuais testemunhas.

Há ampla liberdade sobre o conteúdo do documento. Desde que a relação seja equilibrada e de acordo com as regras e princípios do nosso ordenamento jurídico. A declaração deve ser registrada em cartório para se tornar um documento válido e oficial.

Esperamos que o nosso artigo tenha ajudado você entender a finalidade das principais declarações em cartório. E assim, elaborar corretamente a sua declaração.

O cartório pode ajudar você a validar outros atos importantes! Confira quais são os principais serviços oferecidos por um cartório.

Receba conteúdos como esse por e-mail!

Fique por dentro dos nossos conteúdos, promoções e novidades.


Por Luciano Batista de Lima

Acadêmico de Direito. Experiência:  13 anos de atuação em Cartório de Registro Civil em Santa Catarina, sendo que destes, 8 anos foram como Oficial Substituto.

Comentários

Conteúdos Relacionados

Reconhecer Firma: Saiba tudo sobre esse assunto!

Reconhecer Firma: Saiba tudo sobre esse assunto!

O ato de reconhecer firma é necessário em muitas situações. Descubra todas as informações importantes sobre esse recurso jurídico. Você já tentou alugar um imóvel oferecido por uma imobiliária? Se sim, sabe da lista de documentos que precisa apresentar, além de cópias...

ler mais
Qual sobrenome do Marido passa para a Esposa?

Qual sobrenome do Marido passa para a Esposa?

Você vai se casar e quer saber qual sobrenome do marido passa para a esposa? Então, vale ler este texto até o final para tirar suas dúvidas. O casamento civil e a união estável são vínculos que garantem alguns direitos e deveres ao casal. A formalização do matrimônio...

ler mais
Como colocar sobrenome no filho? Saiba como fazer!

Como colocar sobrenome no filho? Saiba como fazer!

Você sabia que existem regras de como colocar sobrenome no filho? Caso nunca tenha ouvido falar sobre o assunto, você vai gostar de conhecer os critérios dessa formalização civil. Os pais de primeira viagem têm muitas dúvidas em relação aos passos iniciais da criança....

ler mais